segunda-feira, novembro 12, 2007

Isto não é para uma gaja se passar??



Como sabem, para a semana escolho a especialidade ( e se não sabem passam a saber!). Quer dizer... a especialidade já está mais ou menos escolhida, basicamente vou é escolher o sítio.



Para o efeito, o excelentíssimo Ministério da Educação, na pessoa da Administração Central do Sistema da Saúde, publicou uma lista oficial, transparente e directa, de vagas, na qual os 867 candidatos seriam distribuídos em 867 vagas, porque num país como este o importante é não desperdiçar! As vagas que saíram , não agradaram a muitos, especialmente às pessoas interessadas a ficar a residir e trabalhar no norte de Portugal. Mas pronto, a lista é aquela e visto que nós somos os internos mais fecundados do país e arredores e não podemos repetir o exame este ano, ou escolhemos o que há ou escolhemos o que há!



Com esta ideia em mente, hoje abordei a minha chefe, na brincadeira, a dizer que queria uma vaga determinada que não tinha sido disponibilizada. Três segundos depois, a vaga era minha! (Isto sem eu ainda ter decidido se a quero realmente ou não...) E assim como aquela vaga iria estar disponível para mim, também existem vagas que lá não estão agora disponibilizadas (falta EXACTAMENTE uma semana, notem!) que também estão "reservadas" para colegas meus especificamente. Veio-me à mente imediatamente, todas as histórias que tinha ouvido destes concursos, que eu sempre tinha achado que eram mentira, porque afinal... isto é uma instituição pública, um concurso nacional regulamentado e publicado em Diário de República. Realmente dá que pensar que no final do concurso NUNCA seja publicado uma lista oficial de colocações mas, eu sempre escolhi acreditar que isso não queria dizer que necessariamente houvesse trafulhice.



Agora realmente o que penso, é que dá gosto concorrer a alguma coisa mediada pelo Estado Português! Devia ter emigrado quando tive oportunidade...



(Como se nota, neste preciso momento, até estou a espumar pela boca...)


Um comentário:

Ana - BSN disse...

Miúda, já estou a ficar nervosa... Afinal qual foi a especialidade que escolheste???? Tu não me escondas nada!!!

Quanto ao resto... é triste, mas o nosso país é assim! E o pior de tudo é que acabamos por ter que contribuir para isto, mesmo sem querermos (mais que não seja pagando impostos!).

Bjinhos e mtas saudades!